Cuidados com a saúde

Atividade física

Ninguém duvida que a atividade física e a movimentação são funções vitais e essenciais para homens e mulheres em qualquer idade. No caso do idoso, compete aos familiares, enfermagem, junto com outros profissionais e cuidadores responsáveis, desenvolver maneiras que facilitem o ir e vir com segurança e dentro das condições estabelecidas pelo médico.

Para o profissional, é importante saber que a atividade física pode ser conceituada sob três aspectos: sociológico, psicológico e funcional. O sociológico está relacionado ao tempo livre que a pessoa dispõe para ter as suas relações sociais. O psicológico diz respeito à importância da atividade física para a própria pessoa, por exemplo, caminhar. O funcional refere-se à capacidade da pessoa para o desenvolvimento da atividade física.

Movimentação e transferência

Muitas vezes, o idoso pode apresentar dificuldade para andar e necessitar de bengala, muletas, cadeira de rodas e de pessoas para transferi-lo de um lado para outro. O uso de bengala deve ser feito como apoio no lado oposto ao lesado, ou seja, se o idoso apresentar uma alteração na perna direita, deverá usar a bengala no lado esquerdo. Ainda, se for necessário ser ajudado pelo cuidador, este deverá apoiar o lado com problema, colocando uma das mãos embaixo do braço do idoso, ou da sua axila, amparando-o com a outra mão para dar a ele apoio e segurança.

No leito

O cuidador, ao movimentar o idoso na cama ou mudá-lo de posição, deve previamente calcular como realizará essa mudança, mantendo-se numa postura adequada, ou seja, com as costas retas, para evitar possíveis problemas de coluna. Para tanto, recomenda-se levar a perna esquerda adiante, dobrar ligeiramente o joelho e aplicar a força nos braços e nas pernas. Pode ser bastante útil, também, instalar um suporte ou apoio adaptado aos pés da cama ou no teto, para que o idoso possa se apoiar ao se movimentar. Vale lembrar, uma pessoa acamada por muito tempo pode apresentar também problemas ao tentar se sentar. Portanto, o idoso deve ser colocado na posição sentada vagarosamente, observando-se atentamente possíveis sintomas como tontura, palidez, suor e mal-estar. Caso ele apresente algumas dessas alterações, peça que abaixe a cabeça, respire profundamente e mantenha a calma. Jamais insista para que  permaneça sentado, caso o desconforto persista.

Na cadeira

Ao levantar o idoso de uma cadeira, o cuidador deve intercalar suas pernas com as pernas do idoso, ficar semi-agachado quase na altura da cadeira, envolver o tronco do idoso com seus braços e levantar seu corpo juntamente com o do idoso.

Transferência

É a mudança de uma pessoa de um local ou de uma superfície por meio de um conjunto de movimentos seguros e eficientes. A transferência pode ser realizada com o idoso em pé, sentado, ou por mecanismo de elevação.

Contato

(19) 3826-3055
(19) 3876-5181
(19) 98287-6344
contato@bosquedosipes.com.br

Endereço

Rua Antônio Ferragut Neto, 231, Pinheirinho, Vinhedo/SP.

Horário de funcionamento

(Setor administrativo)
De segunda à sexta-feira, das 8 às 18 h.

Redes sociais

 

Todos os Direitos Reservados © Bosque dos Ipês

Desenvolvido por:

Open chat
Olá 👋 Precisa de ajuda?